Grão-de-bico é base da culinária oriental e tem incontáveis benefícios

O grão-de-bico é um item indispensável na culinária oriental. Ele é a base, por exemplo, do falafel e do hummus, dois alimentos dos mais consumidos em países do Oriente Médio. Porém, o que poucos sabem é a quantidade de benefícios que ele pode gerar à nossa saúde. A lista, realmente, é muito grande. 

Comecemos, então, por seus componentes. Em sua composição, o grão-de-bico oferece vitaminas A, B6, C, E e K, cálcio, fósforo, potássio, zinco, magnésio, ferro e sódio. Isso sem contar os carboidratos (fontes de energia), a fibra dietética, proteínas e gorduras. 

Por conter fibra dietética, serve para reduzir os níveis de colesterol ruim no sangue, o que ajuda na diminuição da pressão arterial e na quantidade de triglicerídeos. Assim, o risco de uma pessoa sofrer ataque cardíaco, ser acometida de doenças cardíacas e acidentes vasculares cerebrais fica minimizado. Além disso, seus componentes são excelentes para ajudar na saúde digestiva. Também é muito recomendado para aqueles que sofrem de hipertensão, servindo na prevenção de problemas reumáticos ou artrite, bem como as cãibras.

Para aqueles que praticam esportes com frequência e têm um grande desgaste de ferro devido à atividade física, o grão-de-bico também é recomendado. Por fim, os diabéticos podem consumir o alimento e aproveitar seus benefícios, pois seu teor de zinco permite ao corpo assimilar e armazenar insulina.  Fica a dica: ele pode ser facilmente encontrado em supermercados em forma de grãos integrais (crus ou cozidos) ou como farinha, já processada.

Fica a dica: ele pode ser facilmente encontrado em supermercados em forma de grãos integrais (crus ou cozidos) ou como farinha, já processada. Agora, querendo o hummus ou o falafel, não tem melhor que o do Midbar…

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

× Fale conosco